Jardim, Miranda e Nioaque recebem vacinas para imunizar profissionais das Forças Armadas

Parte das 45,5 mil doses de vacinas contra o Coronavírus que chegaram a Mato Grosso do Sul nesta quinta-feira (22) serão destinadas a imunização de profissionais das Forças Armadas. Na região sudoeste, Jardim, Miranda e Nioaque recebem juntas 170 doses para vacinar exclusivamente militares que atuam nos municípios.

Conforme publicação do Diário Oficial do Estado nesta sexta-feira (23), Jardim tem uma estimativa de 260 profissionais das forças armadas. Desta vez, 65 devem receber a primeira dose da AstraZeneca/Oxford. Além disso, o município recebe também 90 doses da Coronavac para aplicação da segunda etapa da imunização e 355 da AstraZeneca para novos grupos.

Em Nioaque, dos 395 posicionais que trabalham na cidade, 100 devem ser vacinados. Outras 40 doses de Coronavac devem ser usadas para a segunda fase da vacinação e 160 da AstraZeneca para a primeira aplicação em novos grupos prioritários.

Miranda recebeu cinco doses para vacinar os profissionais das Forças Armadas. Segundo o Governo do Estado, estimativa populacional na cidade é de 23 militares. A nova remessa também conta com 80 doses de Coronavac, destinadas a segunda etapa da imunização e 280 da AstraZeneca.

O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Saúde, recebeu do Ministério da Saúde 45,5 mil doses de vacinas contra o Coronavírus, sendo 35,5 mil da AstraZeneca/Oxford e mais 10 mil doses da Coronavac. Este é o 14º lote e o Estado já totaliza 753.510 doses de vacinas recebidas.

Segundo o secretário de Estado de Saúde, Geraldo Resende, o Ministério da Saúde encaminhou menos doses da Coronavac para o Estado, que devem ser usadas para 2ª dose de grupos já vacinados. Já as 35,5 mil da AstraZeneca/Oxford serão utilizadas para avançar no programa estadual de imunização com aplicação em grupos prioritários a serem definidos ainda pela SES/MS.

Fonte da notícia:https://www.bonitomais.com.br/cidades/2021/04/jardim-miranda-e-nioaque-recebem-doses-para-imunizar-profissionais-das-forcas-armadas/