Nova diretoria da Assomasul por mais dois anos será escolhida nesta sexta-feira

O prefeito de Nioaque, Valdir Couto de Souza Júnior (PSDB), é candidato de consenso encabeçando a chapa “Independência e União”


Valdir Júnior e a primeira-dama de Nioaque, Larissa Vicente Martelosso Couto – (Foto: Divulgação)

Prefeitos e prefeitas elegem amanhã (29) a nova diretoria da Assomasul (Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul)  para o biênio 2021-2022.

O prefeito de Nioaque, Valdir Couto de Souza Júnior (PSDB), é candidato de consenso encabeçando a chapa “Independência e União”.

A eleição será restrita aos gestores por causa da pandemia do novo coronavírus (Covid-19), obedecendo às regras de biossegurança, incluindo distanciamento social e uso de máscaras e álcool em gel.

Dentre outros compromissos, a nova diretoria defende estabelecer maior interlocução com os governos estadual e federal no sentido de facilitar a busca de recursos para os municípios e definir estratégia de atuação visando ações prioritárias em favor da população de MS.

De acordo com o estatuto da Assomasul, a eleição será presencial das 8h às 17h.

Reeleito em seu município, Valdir Júnior substituirá o presidente Pedro Caravina, ex-prefeito de Bataguassu, que dirigiu a associação durante dois mandatos – 2017 a 2018 e 2019 a 2020.

A posse da nova diretoria ocorrerá logo após a proclamação do resultado oficial da eleição, em cerimônia administrativa no auditório da entidade, em Campo Grande, cujo ato também será restrito aos associados.

O futuro presidente da Assomasul é filho do ex-prefeito de Nioaque, Valdir Couto de Souza, que presidiu a Assomasul de 1993 a 1995.

DIRETORIA EXECUTIVA
Presidente: Valdir Couto de Souza Júnior (Nioaque)
1º Vice-Presidente: André Nezzi Luiz de Carvalho (Caarapó)
2º    Vice-Presidente: José Fernando Barbosa dos Santos (Selvíria)
Secretário-Geral: Thalles Henrique Tomazelli (Itaquiraí)
2º Secretário: Dalmy Crisostomo da Silva (Alcinópolis)
3º Secretário: Wladimir de Souza Volk (Dois Irmãos do Buriti)
Tesoureiro-Geral: Eraldo Jorge Leite (Jateí)
2º Tesoureiro: Edson Rodrigues Nogueira (Jaraguari)

DIRETORIA AUXILIAR
Diretor de Cultural: Valdomiro Brischiliari (Mundo Novo)
Diretor Social e Esportivo: Reinaldo Miranda Benites (Bela Vista)
Diretor de Relações Públicas: Cleidimar da Silva Camargo (Rio Negro)
Diretor de Patrimônio: Marcos Benedetti Hermenegildo (Vicentina)
Diretor de Saúde: Lídio Ledesma (Iguatemi)
Diretor para Assuntos Municipalistas: Alan Aquino Guedes de Mendonça (Dourados)

CONSELHO FISCAL: Titulares
William Luiz Fontoura (Pedro Gomes)
Alexandrino Arévalo Garcia (Aral Moreira)
Henrique Wancura Budke (Terenos)

SUPLENTES DO CONSELHO FISCAL
Lucas Centenaro Foroni (Rio Brilhante)
Jair Boni Cogo (Cassilândia)
Gerolina da Silva Alves (Água Clara)

 

Fonte da notícia:

Este trecho é parte de conteúdo que pode ser compartilhado utilizando o link: https://www.acritica.net/editorias/politica/nova-diretoria-da-assomasul-por-mais-dois-anos-sera-escolhida-nesta/502867/ – as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do jornal A Crítica de Campo Grande estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral. Não reproduza o conteúdo do jornal em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização do jornal ([email protected]). Essas regras têm como objetivo proteger o investimento que o jornal “A Crítica” faz na qualidade de seu jornalismo.