Nioaqueonline entrevista Caires, pré-candidato ao legislativo

13325492_789603987843698_1423111083948615186_nNioaqueonline entrevista Luiz de Lima Caires, 39 anos, divorciado, pai de Kailainy, funcionário público efetivo desde 2002. Foi militar por 7 anos, indo para reserva como CB. Sindicalista, amante do esporte, se intitula pré-candidato ao cargo do legislativo.

Nioaqueonline: Qual é o seu partido, você já participou de outros?
Caires: Estou no PSDB, já participei do PPS. Eu escolhi esse partido após conversar com os dirigentes, e após analisar as propostas eu vi que batia com as minhas. Por esse motivo ingressei nele.
Nioaqueonline: O que é ser vereador para você?
Caires: Vereador para mim é o fiscalizador. Tem que fiscalizar as obras do prefeito. Estar em contato com os presidentes de bairros. Procurar saber das necessidades dos bairros, e através dos meios legais priorizar essas necessidades, e levar ao conhecimento do executivo, buscar solução para os problemas. A meu ver o vereador tem que estar em contato em toda área do município.

 

Nioaqueonline: O que te levou a entrar para o meio político?
Caires: Eu fico sempre observando e vejo muita injustiça. A exemplo, com os funcionários público, não tem ninguém para brigar por eles. É um absurdo o que vejo, salário base de alguns do quadro efetivo, tem cargo que o salário base é menos de R$ 500,00(quinhentos reais), ai o executivo faz complementação para chegar ao mínimo, porque a constituição não permite um servidor ganhar menos que o mínimo. Vejo que os jovens não têm amparo nenhum, não tem um projeto voltado para a juventude, onde faz com que esses jovens ficam perdidos sem nenhuma atividade.

Nioaqueonline: A população está desacreditada nos políticos. Porque acreditar no Caires?

Caires: Como é a 1ª vez que estou preiteando, vejo as dificuldades não só do município como do país. Meu pensamento é de ajudar de alguma forma, e isso só será possível se eu me ingressar nesse meio. Criticar é fácil, agora poder ajudar de alguma forma, dentro da representatividade, não visualizo isso hoje. Quero poder participar e ter união para auxiliar o município. A população pode esperar de mim o que for melhor para o município, eu vou estar para somar, para contribuir. Quero ser um político de propostas, não de vantagens próprias.
.

Nioaqueonline: Já existem pré-candidatos definidos a prefeito em Nioaque. Com quem Caires vai caminhar para prefeito em 2016?
Caires: Com o pré-candidato do partido Junior Couto.

Nioaqueonline: Como você avalia a atual administração?
Caires: Está ruim. No meu ponto de vista praticamente nesses 4 anos eu não vi a atual administração realizar nenhum projeto com recurso próprio para o município. O IPTU está um absurdo, asfaltos não têm mais em boas condições, muitos buracos nas ruas. Fecharam muitas escolas, dizem que para economizar, mas no meu ponto de vista, eu acho que não. Muitos pais de famílias estão desempregados, e o município não cria nada para gerar emprego. Muitas pessoas foram embora. Os jovens terminam o ensino médio, a maioria vai trabalhar ao invés de continuar os estudos, porque os pais não têm condições de bancar uma faculdade.

Nioaqueonline: Em sua opinião o que deveria ser priorizado em um governo?
Caires: Saúde, educação, infraestrutura que são base das necessidades da comunidade. O município tem muitas pessoas carentes, que necessitam da ajuda do poder público, e o poder público é muito omisso. Não prioriza essas situações. Deveria valorizar os capacitados, direcionar a juventude que não tem amparo.

Nioaqueonline: Como você avalia os trabalhos do poder legislativo em Nioaque?
Caires: Em meu ponto de vista deixa muito a desejar. Vejo que há priorização da individualidade, e o coletivo fica a desejar. O legislativo está ali para fiscalizar o município, e eu não visualizo essa atividade. Basta olhar as ruas, a saúde, a educação. Os jovens estão sem projetos voltados a eles. Eu acho que o legislativo deveria ser mais dinâmico.

Nioaqueonline: Você é funcionário público, como você avalia o incentivo por parte da administração pública à classe que você pertence?
Caires: Nessa atual administração deixa muito a desejar. O funcionário só tem perdas. Nós estamos sem reposição salarial desde ano passado. Acho um absurdo o salário base do funcionário efetivo ser menos que um salário mínimo. É desestimulante para o servidor público. E quando os servidores vão buscar seus direitos, são perseguidos, impedidos. Alguns por medo nem se arrisca a buscar seus direitos.

Nioaqueonline: Você é iniciante na classe política, você tem algo que possa te destacar para começar essa trajetória?
Caires: A luta pela juventude. Sou amante do esporte, e dentro dessa modalidade senti a necessidade de entrar para o meio político, incentivados por esses jovens, que acreditam que eu possa realizar de alguma forma, atividades a seu favor. A juventude é o futuro alicerce da sociedade. E por eles que eu quero me destacar.

Nioaqueonline: Deixe suas considerações finais.
Caires: Desses 21 anos que moro em Nioaque, eu aprendi a amar a cidade, que é muito acolhedora. Então por isso me coloco como pré-candidato para tentar ajudar a comunidade, já que tem muitas pessoas que têm condições e não tem esse desejo. Aqui formei uma família, consegui muitas amizades, me acho no direito de poder retribuir essa hospitalidade que aqui recebi. Se a comunidade achar que mereço representar, farei o máximo que estiver ao meu alcance para não decepcionar. Estou sempre a disposição aos que quiserem dialogar, e como pré-candidato espero não decepcionar ninguém nessa caminhada.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *