CPA-3 / 11º BPM: 4º Pelotão PM de Nioaque prende indivíduo por adulteração de sinal identificador de veículo e receptação

Jardim (MS) – Sexta-feira (26), aproximadamente às 16h00min, os Policiais Militares do 4º Pelotão de Nioaque prenderam um indivíduo por adulteração de sinal identificador de veículo e receptação.

Na quarta-feira (24), após denúncia informando sobre uma caminhonete Frontier, em atitudes suspeitas, em um Assentamento da região, a qual estava abandonada e com características de estar carregada com ilícitos, de imediato a equipe policial deslocou-se até o endereço. No local, realizaram diligências, porém não encontraram o veículo.

Na sexta-feira (26), um indivíduo de 49 anos, entrou em contato com os policiais e relatou que soube que estavam à procura do veículo e que o mesmo se encontrava em seu estabelecimento comercial, local esse que já havia sido diligenciado pelos policiais na quarta e não estava no referido local naquele momento.

No estabelecimento, na segunda vistoria, encontraram o veículo, e verificou-se que no interior do mesmo exalava forte odor de maconha, porém, a droga não se encontrava mais no veículo, o qual estava sem os forros das portas, com características que haviam retirado a droga devido ter apresentado com problemas mecânicos. Em checagem ao Sistema Policial, pelo número do chassi, verificou-se que o veículo era proveniente de roubo/furto e se encontrava com adulteração do sinal identificador (placas).

Em entrevista com o proprietário do estabelecimento, o mesmo disse que dois indivíduos haviam o procurado devido o veículo ter apresentado problemas mecânicos e o mesmo os encaminhou a um mecânico, morador do Assentamento, mas devido o problema ser no motor, o mecânico não conseguiu resolver. Para o veículo não ficar a vista, os dois indivíduos contrataram o comerciante para guardar o veículo, que em dois dias viriam buscá-lo e pelo serviço receberia a quantia de R$ 500,00 (quinhentos reais).

O mecânico, que reside nas proximidades do comércio, relatou aos policiais que o comerciante, juntamente com outros dois indivíduos, havia o procurado para consertar o veículo, porém por ser problemas no motor, o mesmo não teria condições de consertá-lo. Disse ainda, que devido ao forte odor de maconha, não deixou que o veículo ficasse sob sua responsabilidade.

No mesmo momento em que os policiais estavam no atendimento da ocorrência, receberam uma denúncia anônima informando que o comerciante, na madrugada da quarta-feira, realizou o transporte da mercadoria na caminhonete.

Diante dos fatos, foi dada voz de prisão ao indivíduo, o qual foi encaminhado e entregue juntamente com o veículo na Delegacia de Polícia para providências cabíveis.

Assessoria de Comunicação Social do 11º BPM




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *