Após denúncia, Vereador Fina visita escola municipal e constata descasos

Omissão do gestor em educação é visível e traz descontentamentos

 

DSC_2598Pais de alunos da rede municipal de ensino “Guilherme Corrêa” procuraram o vereador Luis Fina de Oliveira (PT) e denunciaram omissão por parte da secretaria de educação quanto a falta de merenda, limpeza, e super lotação em transporte escolar.

Ao visitar a escola pela manhã de hoje (16/05), juntamente com a imprensa da Casa de Leis, Fina se deparou com todas as situações questionadas pelos pais, e outras ainda que mereçam atenção, mas que não estão sendo atendidas pelo órgão responsável.

 

Transporte escolar

Alguns pais de alunos relataram ao vereador que o transporte passa até 12 dias sem pegar alunos em fazendas, vindo a refletir no final do ano, sendo que esses alunos chegam a reprovar por falta.

Outra denúncia é quanto a super lotação, o ônibus que deixa os alunos na escola Guilherme perto do quartel, chega a transportar cerca de 70 alunos, sendo o número superior ao permitido, gerando falta de segurança, e muita preocupação aos pais.

 

Sala de Tecnologia

 

DSC_2621Não existe mais a sala de tecnologia, onde os professores poderiam contar com o mecanismo de apoio à educação, através do uso regular da internet. As fiações elétricas encontram-se deteriorada, oferecendo risco, alguns computadores sem manutenção, e não há refrigeração (ar condicionado). O ar que tem não funciona, sendo relatado por alguns professores que há um ventilador, que em épocas de muito calor é super disputado.

Foram doados 10 computadores, pelo programa nacional de tecnologia educacional, cujo objetivo é de promover o uso pedagógico da informática na rede pública, e em contrapartida o município deveria garantir a estrutura adequada para o funcionamento. Fato este não constatado pelo vereador. Além de não existir a sala com os equipamentos devidamente instalados, foi esclarecido pelo diretor que alguns encontram-se guardados e outros disponibilizados em salas descaracterizada, ou seja, disponível mas em ambiente separados.

 

 

 

Merenda

DSC_2604Outra denúncia feita pelos pais é a falta de merenda adequada, sendo que pelo menos quatro vezes por semana é oferecido o mesmo cardápio, “arroz carreteiro”. Fina certificou-se com a merendeira como estaria sendo realizada a confecção da merenda escolar, e a merendeira disse “hoje eu fiz arroz com carne, amanhã será feito carne com arroz”.

 

 

 

 

Limpeza

DSC_2614

Pátio sujo, janelas empoeiradas

DSC_2615

Janelas sujas

É deplorável a visualização do ambiente escolar, onde centenas de crianças têm que passar parte de seu tempo.

 

 

 

Fina inspecionou e viu a triste realidade que se encontra o pátio, paredes, janelas, portão, parque infantil, banheiros e sala dos professores.

 

DSC_2607Não tem material de limpeza, janelas empoeiradas, banheiros com odor fétido, impossível de permanecer, sem higiene alguma.

 

 

 

 

 

 

DSC_2626Portões com as  grades estragadas, sendo relatados por alguns professores que já houve dias de chegar e encontrarem as salas bagunçadas, ou seja, como o portão está estragado, e as salas sem cadeado, é bem possível que vândalos frequente  o local a noite.

 

 

 

 

 

 

DSC_2622O forro de algumas salas encontra-se  todo comprometido, devido as chuvas e como há telhas quebradas, quando chove molha tudo, e quando há crianças na sala o professor tem que agrupar no lado que não molha.

 

 

 

DSC_2617

Pelo diretor Moacir foi externado que a escola não trabalha com orçamento próprio, sendo que tem que solicitar à secretária de educação, e que todas as necessidades que a escola enfrenta são oficializadas pela direção da escola à secretária de educação.

Diante dos fatos, Vereador Fina irá levar ao conhecimento e solicitar providências das inúmeras denúncias à secretária de educação, e ao prefeito, para que de alguma forma o poder executivo venha sanar esses problemas, vez  que a secretaria possui  orçamento próprio para atender especificamente a educação.

Ainda pelo vereador foi dito que irá solicitar ao executivo, notas fiscais dos fornecedores da merenda, haja vista que não está tendo o cumprimento do cardápio.

Edição e foto: Elizete Maidana

Fonte: Site da Câmara de Nioaque




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *